Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A Queda do Muro (3).

por Tomás Vasques, em 13.11.09

É didáctico divulgar a posição dos comunistas (e as suas análises) sobre a queda do muro de Berlim. Em textos anteriores citei a obra O Socialismo Traído, de Roger Keeran e Thomas Kenny (Edições Avante). Hoje cito o Avante, Órgão Central do PCP. Como podem constatar, o naco de prosa tem o recorte literário e a lucidez do 18 de Brumário de Luís Bonaparte, onde Marx desenvolve as suas teses sobre o materialismo histórico. Coitado do Marx, a que mãos foi parar:

 

«Não é inocente que passados 20 anos o capital se mostre tão agressivo e se lance numa intensa campanha sobre a «queda do muro». Particularmente a burguesia alemã que ao longo da História tem recorrido sistematicamente ao militarismo, ao assassínio de democratas e revolucionários, ao trabalho escravo, inventou a industrialização da morte e o extermínio em massa nas câmaras de gás, pretende agora apresentar os acontecimentos de 1989-1990 que conduziram ao fim do socialismo e da República Democrática Alemã como um processo «revolucionário» ou «libertador» e aproveitar a ocasião para representar a farsa do seu «amor à democracia». (…) Afinal o «Estado de Direito» dos banqueiros não pode existir sem o saque dos cofres do Estado e as baionetas da NATO. Se, hoje, as ditaduras torcionárias de Salazar, de Franco e dos coronéis gregos ainda existissem teriam certamente enviado os seus emissários a Berlim e num acesso de histeria reaccionária celebrado com Ângela Merkel e os restantes representantes do capital europeu a chamada «queda do muro».

 

Rui Paz, Avante, 12.11.09.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:14

Direito à preguiça.

por Tomás Vasques, em 13.11.09

Nos últimos 3 ou 4 anos, a produção teórica mais significativa de parte da direita que se auto-considera como a «direita inteligente» é a reprodução do que a polícia deixa escapar para fora de partes seleccionadas dos seus relatórios. A preguiça é um direito, mas não se queixem, nem derramem tantas lágrimas.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:14

Liberdade de imprensa. Liberdade de expressão.

por Tomás Vasques, em 13.11.09

 

Antoine Gallimard, responsável da editora Gallimard, publica amanhã no Le Monde uma carta de apoio ao escritor António Tabucchi a braços com um processo judicial movido pelo presidente do Senado italiano, o berlusconiano Renato Schifani.

 

Escreve Gallimard em defesa de Tabucchi:

 

«As democracias necessitam de individuos livres, valentes, indisciplinados, criativos. Que se atrevam, que provoquem, que molestem. A libertade de expressão é indissociável da ideia de democracia. De Voltaire e Hugo a Camus e Sartre, passando por Zola y Mauriac, a Franca e as suas liberdades sabem o que devem ao livre exercício do direito de opinião e ao dever de alertar contra a opacidade, as mentiras e as imposturas do poder

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:46

Notícias do folclore transmontano.

por Tomás Vasques, em 13.11.09


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.