Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Citações.

por Tomás Vasques, em 06.09.09

 

Ensaio sobre a insensatez, José Medeiros Ferreira, CM de  5 de Setembro de 2009:

 

 

Se tivesse que caracterizar a actual fase da vida pública portuguesa diria que se estão a ensaiar vários cenários para um regime musculado. As medidas de força fazem parte desse ensaio geral: servem para estudar reacções, fixar pontos de resistência, localizar apoios, perceber se é possível continuar. Não me perguntem se é uma estratégia única que eu não sei. Duvido mesmo que os principais protagonistas e apoiantes do autoritarismo moderno saibam toda a lição.

A decisão da administração da TVI em cancelar o Jornal Nacional de Manuela Moura Guedes é um daqueles actos que tanto podem acelerar este processo embrionário como o fazerem abortar. Tudo depende de como a sociedade portuguesa reagir ao que está a acontecer. Vários porta-vozes do PS já vieram a público negar qualquer interferência deste numa decisão tão insensata quanto brutal. Fizeram muito bem. O partido que lutou em Portugal pela liberdade de imprensa ao ponto de sair do IV governo provisório por causa do jornal República não pode ficar indiferente a este triste e inquietante episódio e deve voltar a colocar a liberdade de imprensa nas prioridades da sua acção política. Só assim os seus militantes serão fiéis ao regime democrático por que tantos lutaram.

Pouco via o dito Jornal, não gostava do seu ar atordoador, mas sentia-me bem num país que o consumia sem perturbações. Fico mais inquieto com o seu cancelamento por uma administração que nem sequer respeitou as formas da autonomia editorial que o regime democrático em Portugal incorporou no seu código genético. A liberdade de imprensa em Portugal foi construída por nós. Não a estraguem.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:53

O «modelo sueco».

por Tomás Vasques, em 06.09.09

 

 

A Suécia tem Stieg Larsson, o grande sucesso literário do momento, tem a selecção de futebol que supera a selecção portuguesa e tem o «modelo sueco», sobre o qual o editorial do Público, da autoria de José Manuel Fernandes, hoje derrama as suas simpatias. O «modelo sueco» (político, económico e social) só não é perfeito porque lhe falta sol. E o sol é muito importante na vida das pessoas. Amanhã, José Manuel Fernandes vai «explicar» como as propostas dos partidos em Portugal se cruzam com o «modelo sueco». Adivinho que, segundo José Manuel Fernandes, as propostas do PSD estão mais próximo do «modelo sueco». O que ele não vai explicar, tenho a certeza, é que é tão difícil levar o «nosso» sol para a Suécia, como trazer o «modelo sueco» para Portugal. José Manuel Fernandes não percebe a importância da geografia no comportamento dos povos e, também, não percebe, porque razão que nenhum português troca o «modelo sueco» pelo sol da Costa da Caparica ou do Algarve.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:13

Leituras.

por Tomás Vasques, em 06.09.09

 

Mário Vargas Llosa escreve no El País sobre a leitura de Millennium, a trilogia de Stieg Larsson:

 

  

«A que acabo de pasar unas semanas, con todas mis defensas críticas de lector arrasadas por la fuerza ciclónica de una historia, con la felicidad y la excitación febril con que de niño y adolescente leí la serie de Dumas sobre los mosqueteros o las novelas de Dickens y de Victor Hugo, preguntándome a cada vuelta de página "¿Y ahora qué, qué va a pasar?"»

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:39



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.