Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



||| Processos.

por Tomás Vasques, em 31.01.09

É evidente que Henrique Burnay tem razão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:06

||| Que não lhe pertence?

por Tomás Vasques, em 31.01.09

O PCP pensa que quem elegeu Manuel Coelho para a presidência da Câmara de Sines foram os militantes comunistas, em votação de célula, e não os eleitores de Sines. Por isso, «exigem» que o autarca alentejano coloque o «lugar que não lhe pertence à disposição». Sabemos que em Cuba e na Coreia do Norte é assim: os «lugares» pertencem ao «partido». Aqui, em Portugal, não é assim, como não é assim em qualquer democracia. Por cá, são os eleitores e não o «partido» que elegem os seus representantes políticos. Nas próximas eleições são os eleitores que dirão de sua justiça.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:52

||| Livros.

por Tomás Vasques, em 31.01.09

 

 

A Quetzal acabou de editar Breviário Mediterrâneo, de Predrag Matvejevitch. A tradução é de Pedro Támen. O Autor nasceu na Bósnia-Herzegovina, filho de pai russo e mãe croata, abandonou a Jugoslávia após a queda do muro de Berlim. Dele dizem que «repensou a fundo e renovou com grande originalidade a concepção sartriana  sobre o compromisso e a liberdade da literatura.» O Breviário Mediterrâneo é uma narrativa literária, ao mesmo tempo poética, geográfica e histórica. Uma narrativa de viagens onde Matvejevitch nos transmite a sua vasta cultura e vivências sobre o Mar Mediterrâneo, procurando a relação entre «a Europa, o Magrebe e o Levante; judaísmo, cristianismo e Islão; o Talmude, a Bíblia e o Corão; Atenas e Roma; Jerusalém, Alexandria e Constantinopla.»

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:46

||| O feitiço e o feiticeiro.

por Tomás Vasques, em 31.01.09

Manuela Ferreira Leite deu uma conferência de imprensa, onde apresentou um «plano contra a crise». Quase ninguém deu por isso. Manuela Ferreira Leite dirige o maior partido da oposição e as suas propostas para resolver a crise que nos atormenta são importantes. Ou deviam ser. Se nos mandam à procura do primo de José Sócrates como é que podemos ter tempo para ver conferências de imprensa da líder da oposição? Decidam-se!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:39

|||Plagiar ou parafrasear?

por Tomás Vasques, em 31.01.09

Voltei a casa e escrevi:

O meu neto diz que o Vidal é atrasado mental.

Não tenho nenhum neto; nem conheço nenhum Vidal.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:31

||| Treinador de sofá.

por Tomás Vasques, em 31.01.09

Em Trofa manda o Trofense. O Benfica, o Porto e o Sporting sabem disso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:15

||| Segredo de justiça e comunicação social.

por Tomás Vasques, em 31.01.09

Estou mortinho por saber qual vai ser a resposta do Ministério Público à polícia inglesa quanto a esta questão:

 

«A política da Polícia da Cidade de Londres e da Serious Fraud Office relativamente aos meios da comunicação social é actualmente a de não efectuar comentários, ou de declarar que “não nos é possível comentar” no tocante a quaisquer pedidos de informação recebidos. / Agradecia que esclarecesse quais as medidas, se as houver, que estão a ser tomadas relativamente à divulgação não autorizada de informação. / Agradecia que esclarecesse qual a política actual dos departamentos do Ministério Público e da Polícia em Portugal em matéria dos meios de comunicação social relativamente a este caso.»

 

(texto citado via Eduardo Pitta)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:09

A questão política que salta, neste momento, do «caso Freeport» é saber se o primeiro-ministro está ou não fragilizado politicamente e quais as consequências na governação do país em tempos de profunda crise internacional. O resto é matéria das polícias de investigação do Ministério Público e dos Tribunais. Só estes permitem a produção de prova e a acusação, a defesa, o julgamento, a absolvição ou a condenação. As acusações, julgamentos e condenações na praça pública não são admissíveis em democracia. Senão qualquer dia, o poder conferido aos portugueses, exercido através de eleições, é transferido para a «comunicação social» ou para o Ministério Público.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:29



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.