Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



||| Direitos Humanos, liberdade, democracia.

por Tomás Vasques, em 21.03.08
Em directo do Tibete: a denúncia, no Miniscente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:38

A televisão transmitiu, no telejornal de hoje, o que se passou numa sala de aula na Escola Carolina Michaelis, no Porto, filmado via telemóvel por um outro aluno, que impávido e sereno, tal como todos os outros colegas, assistia à cena escabrosa de falta respeito e agressão de uma aluna para com uma professora. O estado a que, neste país, a Escola e a Educação chegaram é o resultado de mais de 30 anos de desmandos: de governantes, sindicalistas e professores. Só é de estranhar não ser conhecido ainda o castigo exemplar à aluna autora deste desmando. Contudo, acrescento, sabendo ser politicamente incorrecto, que não é impunemente que em programas de televisão, como os Prós e Contras, professores chamam mentirosa, cara a cara, à ministra da tutela; como não é impunemente que professores vão fazer arruaça para a porta de partidos políticos ou de comícios de partidos políticos; como não é impunemente que professores se vistam de negro, colectivamente, para dar aulas ou que envolvam as escolas com panos negros para cenas televisivas; como não é impune a linguagem, muitas vezes insultuosa para com o governo, de dirigentes sindicais dos professores. Os alunos sabem de tudo isso e comentam entre eles. O respeito e a autoridade não são servidos de bandeja, conquistam-se. Quem não se dá ao respeito, dificilmente será respeitado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:33


António Abrunhosa, economista e militante do PS, no Público de hoje, escreve: «Existe uma questão central que caracteriza a crise do Socialismo Democrático e, com particular acuidade em Portugal, do PS: trata-se do progressivo afastamento da “Utupia Igualitária”, matriz Identitária do Socialismo que Marx sintetizou no princípio: “ de cada um segundo as suas capacidades, a cada um segundo as suas necessidades”. Depois da questão central, vem a conclusão: «É pois nesse sentido que devemos empenhar os nossos esforços, com vista a levar a cabo, em primeiro lugar, uma Refundação Doutrinária do Partido Socialista”. Com a devida modéstia, a esta questão eu já tinha dado a resposta há quase dois anos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:46

||| Recados.

por Tomás Vasques, em 19.03.08
Escreve Paulo Gorjão, homem avisado: «Lembram-se como Aníbal Cavaco Silva era criticado pelas suas reformas e como na hora da verdade obteve uma segunda maioria absoluta?» O recado tem um destinatário directo: o PSD. Mas, aplica-se que nem luva, ao PCP: na hora da verdade, ninguém quer uma ditadura comunista cá em cada. Nem sequer uma parte dos que têm cartão do partido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:10

||| Agenda cultural [13]

por Tomás Vasques, em 19.03.08



Hoje o Hot Club faz 60 anos. Para comemorar temos a sua Big Band, Maria João e Mário Laginha, no Cinema São Jorge.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:46

||| O mundo está perigoso.

por Tomás Vasques, em 19.03.08
«Êxito que está a ser vivido no Iraque é inegável», disse George Bush, Presidente dos EUA.
«Estamos no meio de uma dura luta envolvendo sangue e fogo, uma luta de vida e morte com a camarilha do Dalai", disse Zhang Qingli, secretário do Partido Comunista do Tibete.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:37

||| Ler os outros.

por Tomás Vasques, em 19.03.08

João Tunes: «…ele ficará a comer porrada comunista, daquela boa que aos operários e camponeses cai em cima do lombo para serem felizes, enquanto nós vibraremos com o salto à vara e a maratona
Sofia Loureiro dos Santos: «Ninguém se apercebe da absoluta e perigosa voracidade das inutilidades
João Pinto e Castro: «Obama aceita, no essencial, a ideologia oficial americana, tal como é inoculada nos programas da Oprah Winfrey: se uma pessoa é pobre, discriminada ou oprimida, algum mal há-de ter feito; está nas mãos dela salvar-se com a ajuda do Senhor

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:48

||| Livros.

por Tomás Vasques, em 19.03.08
O Manuel Alberto Valente abandonou a ASA e o grupo LeYa. Para além do amigo, por experiência própria, faço minhas as palavras do Francisco José Viegas: «Sei que é um dos últimos grandes editores clássicos portugueses. Para ele, a vida dos livros não se reduz ao negócio da edição; acompanhou cada um dos autores, cada fase do processo dos seus livros e construiu e manteve amizades fortes no meio editorial, em Portugal e no estrangeiro, o que diz bem da qualidade do seu trabalho e do seu prestígio como editor. Como autor, sei que não será possível ter um editor como ele, excepto ele mesmo

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:32

||| Sem vergonha…

por Tomás Vasques, em 19.03.08
é falar em liberdade e democracia e varrer o Tibete para debaixo do tapete.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:58

||| Como dizia o poeta, trabalhar cansa.

por Tomás Vasques, em 19.03.08

Não é possível reformar um país melhor preparado para o descanso do que para o trabalho.

Ou, como escreve o Eduardo Graça:

«Quem se manifesta então? A classe média dos funcionários públicos auto intitulados de novos explorados, os espoliados do nosso tempo. Que é feito da classe operária que dá o título à maioria dos sindicatos? Trabalha para que se não extinga o seu posto; trabalha para que não se deslocalize a sua fábrica; trabalha para que se não perca a encomenda. Trabalha e, como dizia o poeta, “Trabalhar cansa”.»

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:29

|||O realismo socialista no seu melhor.

por Tomás Vasques, em 16.03.08
Raúl Castro adopta uma nova medida de «liberalização» económica: os cubanos poderão, em breve, alojar-se em hotéis.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:05

||| A «felicidade» no Tibete.

por Tomás Vasques, em 16.03.08

O «presidente da Câmara» de Lhasa, capital do Tibete, onde as Forças Armadas chinesas procuram «agitadores» casa a casa, o senhor Doje Cezhug, colocado no cargo pelo Partido Comunista Chinês, disse hoje que a cidade «está calma» e que «a situação geral no Tibete é boa». Cezhug atribuiu a violência de sexta-feira a «um grupo de monges e arruaceiros que bateram, destruíram, saquearam e incendiaram escolas, hospitais e comércios, com o objectivo de perturbar a vida feliz e estável dos tibetanos». Até parece o deputado comunista Bernardino Soares a falar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:43

||| Memória e esquecimento.

por Tomás Vasques, em 16.03.08


A cimeira da guerra, nas Lajes, Açores, foi há 5 anos. 4 dias depois, a 20 de Março de 2003, consumou-se a invasão do Iraque. O resultado, passados 5 anos, é um milhão de mortes, um país no caos, na guerra civil e sem solução à vista. 5 anos depois da mentira das armas de destruição maciça, o Iraque é dos países mais inseguros do mundo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 07:18

||| Na política, a memória é muito importante.

por Tomás Vasques, em 15.03.08
O PCP ainda retém na memória, entre outras situações, como a arruaça que montou a Mário Soares, candidato à presidência da República, em 1985, na Marinha Grande, foi o «tónico» que obrigou os comunistas a votarem de olhos vendados em Soares na segunda volta dessas eleições. Desta vez, temendo que o único beneficiário fosse o PS, desmobilizaram a arruaça que estava a ser montada por «professores» junto ao comício do PS, no Porto. Ontem, em nota de imprensa, o PCP escreveu: «O PCP reafirma que no quadro dos direitos constitucionais tem a concepção de que os protestos devem ser dirigidos ao poder político e às associações patronais e não a instalações ou actividades partidárias.» Quando os «professores» foram fazer arruaça para a sede do PS, no Largo do Rato, há duas semanas, o entendimento do PCP sobre os direitos constitucionais, nesta matéria, ainda não estava consolidado…

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:45

||| Ler os outros.

por Tomás Vasques, em 15.03.08
Como diz o Jumento: «Até aqui tem havido uma guerra surda entre a extrema-esquerda e o PS, quando estiver em causa a democracia essa luta dirá respeito a todos os democratas

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:38




Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.