Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ler os outros.

por Tomás Vasques, em 21.07.07


João Gonçalves lembra a VIDA E MORTE DOS "NOVOS PARTIDOS" desde 1974.

Cristina Vieira dá conta de como anda a liberdade de expressão na vizinha Espanha: puta madre!

Joana Lopes recorda Há 32 anos, na Fonte Luminosa, num dia em que a a história passou por alí.
Porfírio Silva não deixa passar nada: Às armas, ou "de cócoras, companheiros, que a posição dá jeito".
Tiago Barbosa Ribeiro escreve sobre LIBERDADE DE EXPRESSÃO? na Venezuela e chavistas portugueses.

Viriato Teles, finalmente, colocou o seu site on line.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:13

Coligações.

por Tomás Vasques, em 21.07.07

O Expresso de hoje deixa no ar a hipótese de António Costa conseguir uma «maioria» no executivo municipal com Helena Roseta e Sá Fernandes. Penso que, se esse acordo vier a concretizar-se, Helena Roseta só aceita para, dentro de pouco tempo, poder romper o acordo com estrondo, e vitimando-se. Quanto a Sá Fernandes, a quem seria atribuído o Pelouro dos Espaços Verdes, é bom saber que, finalmente, vai ter a oportunidade de mostrar que sabe fazer qualquer coisa. Temo que, pelas características pessoais da personagem, não consiga fazer nada e ainda corra para a Judiciária apresentar queixa-crime contra os empreiteiros que ele próprio vai contratar ou, quem sabe, contra ele próprio. Estes dois anos de gestão municipal prometem…

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:04

Telhados de vidro?

por Tomás Vasques, em 21.07.07

Vítor Dias (o tempo das cerejas) exige um pouco mais de rigor a Mega Ferreira, porque este, em artigo publicado na Visão, se interroga «por que razão a CDU perdeu quase metade dos votos e dois pontos percentuais em relação às autárquicas de 2005». Vítor Dias explica, em resposta, que «não se pode considerar «perda de votos» aquela que resulta de um significativo aumento da abstenção». É verdade. Mas por ser verdade, seria honesto da parte de Vítor Dias criticar da mesma forma o comunicado da Comissão Política do CC do PCP, onde se lê: «a votação do PS e de António Costa constitui, sem dúvida, quando comparada com o resultado obtido pelo PS nas legislativas de 2005 (42,5 por cento), uma significativa redução da base de apoio do PS e uma condenação da política de direita do actual Governo.» Aqui, Vítor Dias já não tem problemas em que se compare duas eleições diferentes – legislativas e autárquicas – com níveis de abstenção diferentes e, nas legislativas, sem candidaturas «independentes». Portanto, comparar tudo o que não é comparável. Porque se trata da posição do PCP, Vítor Dias admite todas as comparações sem exigir rigor. (Em nota de rodapé, uma pergunta relacionada com rigor: Jerónimo de Sousa disse que «O resultado do PS confirma uma reduzida credibilidade política.» Ora, se 30% corresponde a uma reduzida credibilidade política, 10 % corresponde a quê?). A telhados de vidro?
(Imagem: acrílico sobre tela de Ricardo Paula. O gesto é apenas uma expressão, não uma ofensa.)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:24

Citação.

por Tomás Vasques, em 21.07.07
Excerto de Um novo partido? de Vasco Pulido Valente, Público, 21.07.2007. Sublinhados meus.

«A direita anda excitada (e deprimida) com a primeira maioria absoluta do PS desde o "25 de Abril". Já não se lembra com certeza que o PS aturou duas maiorias de Cavaco e que, nessa altura, se anunciava diariamente o fim da esquerda. O mal da direita é a ausência completa de uma cultura de oposição. Vivendo quase sempre do governo, não aprendeu a viver de si mesma. Não aprendeu, principalmente, a viver contra o governo. Um novo partido (o de Santana ou o de Júdice) herdaria fatalmente os defeitos dos velhos. Não inspiraria mais confiança, nem compreenderia melhor o país. O que falta à direita não é uma "fórmula" infalível para ganhar em 2009. O que falta à direita é alguma competência e algum realismo. »

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:47



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.