Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Blogues.

por Tomás Vasques, em 07.04.07
Jorge Ferreira – o combatente mais profícuo da blogosfera – lançou outro combate.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:32

Pano para mangas...

por Tomás Vasques, em 07.04.07

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:22

Isenções (2)

por Tomás Vasques, em 07.04.07

O texto de Pacheco Pereira publicado hoje no Público, para além da nota anterior, merece outras reflexões:
Considerando que:
1. O autor conhecia – como suponho – o que António Balbino Caldeira escreveu, no seu blogue Do Portugal Profundo, desde há 2 anos, sobre a licenciatura de José Sócrates;
2. Nestes dois anos o assunto foi amordaçado – considera o autor – pela promiscuidade que molda a relação entre jornalistas e políticos;
Interrogo-me:
Que motivo levou Pacheco Pereira – escreveu neste 2 anos centenas de textos em jornais e revistas – também a silenciar o assunto?
Mais alguma promiscuidade « que escapa ao olhar do cidadão desprevenido destes meandros vitais do poder dos nossos dias»?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:46

Isenções.

por Tomás Vasques, em 07.04.07

José Pacheco Pereira escreve, hoje, no Público (À espera que o assunto morra por si... ) sobre a relação entre jornalistas e políticos a propósito da licenciatura do primeiro-ministro.

Cito: «Este "consenso" de rebanho entre jornalistas sobre aquilo de que se pode ou deve falar, e sobre os temas malditos que "sujam" as mãos de qualquer profissional e merecem o ostracismo dos outros, é o resultado destilado dos gostos, amizades pessoais e políticas, ideias feitas, ignorâncias activas, vinganças, que unem grupos de jornalistas entre si. O pack journalism traduz também a relação ambígua que muitos jornalistas mantêm com políticos que têm a mesma idade, a mesma formação, a mesma linguagem, o mesmo vocabulário, as mesmas escolas de ver o mundo, as mesmas ignorâncias, os mesmos ódios, os mesmos adversários. As paredes do Snob e outros bares frequentados pela "classe" estão cobertas destas camadas de pack journalism até ao tecto e os blogues de jornalistas revelam-nas com uma ingenuidade alarmante.
(…)
A não existir dolo, nem facilitação gravosa e excepcional no processo académico do primeiro-ministro, o que sobrará de toda esta questão é bem mais grave do que saber se José Sócrates é ou não engenheiro, agente técnico, ou estudante finalista: é o modo como a comunicação social se coloca perante o poder socialista
.» (sublinhado meu).

Para que o texto de hoje, no Público, assinado por Pacheco Pereira fosse isento bastava ter colocado, nesta última frase, o ponto final no poder, na medida em que o Snob não abriu as suas portas em 2005, nem se vislumbram alterações significativas entre jornalistas e políticos nos últimos vinte, vinte e cinco anos.
Foto: O Século Ilustrado, n.346, 19 August, 1944 . Na fotografia vemos o jornalista italiano Virginio Gayda, «que foi porta-voz durante muito tempo de Mussolini.» (Ilustração Portuguesa)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:03

Clandestinidade

por Tomás Vasques, em 07.04.07
No CDS/PP, a luta «ideológica» entre o «centro-direita» e o «centro esquerda» continua intensa. Já se admite a passagem à clandestinidade...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:46



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.