Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por Tomás Vasques, em 06.09.06
Efemérides.
Manhã de 3 de Agosto de 1968. Forte de S. João do Estoril, ali onde o mar se avizinha de Lisboa. O dia está quente apesar da ligeira brisa atlântica que sopra de oeste. A loucura protagonizada pela juventude desde Maio nas ruas de Paris está desfeita e, aparentemente, não se propagou ainda para cá dos Pirinéus. O país está calmo e sereno, apesar das guerras em Africa. Envergando um fato de linho branco, depois de tomar um pequeno-almoço ligeiro, como é seu hábito, o ditador expande o olhar sobre oceano, enquanto desdobra O Século à procura de coisa nenhuma. E, nesse fatídico momento, deixa-se cair com todo o peso dos seus 78 anos de idade e 36 de poder absoluto sobre uma simples cadeira de lona. Desequilibra-se e cai desamparado batendo com a cabeça no chã de pedra. Segundo dizem as línguas viperinas da nossa pequena praça, foi assistido pelo calista que se encontrava presente – um senhor de nome Augusto Hilário –, o qual lhe receita “aspirinas” para as dores de cabeça de que se queixa após a queda. Continua a trabalhar pelo dia fora e, também, nos dias seguintes. Apoquentado pela permanente dor de cabeça, alguém por ele decide – coisa inédita - a 6 de Setembro, mais de um mês depois da queda, que o ditador devia ir a um hospital. E foi.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:27

...

por Tomás Vasques, em 06.09.06
Silêncios comprometedores
Quando aqui, em Portugal, um governo democraticamente eleito, e nos termos da lei, decide reformar compulsivamente um polícia, alguns companheiros bloguistas (e bloquistas, também) dizem cobras e lagartos, como se tivesse caído o Carmo e a Trindade. A democracia está em causa – dizem – sem qualquer assomo de vergonha. São os mesmos que se calam, que metem o rabo entre as pernas, quando se discute a questão da presença das FARC em Portugal a convite do PCP. Ao menos venham à liça explicar-nos os porquês.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:26

...

por Tomás Vasques, em 06.09.06
Liberdade!
Ingrid Betancourt está em cativeiro, nas prisões clandestinas das FARC, nas florestas ou nas montanhas andinas, na Colômbia, há mais de 4 anos. Juntamente com ela estão centenas de outras pessoas cujos
nomes desconhecemos, mas que sofrem igualmente as mesmas consequências. O facto de representantes das FARC terem estado em Portugal, na Festa do Avante, a convite do PCP, só pode indignar-nos.
Por isso, o PCP deve explicar, no Parlamento, as razões porque apoia o sequestro e a prisão de centenas de pessoas, na Colômbia, fora do quadro institucional de um Estado de Direito.
(Sobre esta questão ver, por todos, aqui e aqui).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:26

...

por Tomás Vasques, em 06.09.06
Distracções?
«Informações de que disponho... e que poderiam estar ao dispor de toda a gente, dizem que este ano, até ao momento, a área ardida em Portugal nos incêndios florestais foi cinco vezes inferior à do ano passado.Eu até fazia um link... mas esta informação, tornada pública hoje, não está disponível em nenhuma frontage dos sítios de notícias online. Como se faz censura em Portugal.» João Morgado Fernandes (french kissin')

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:12

...

por Tomás Vasques, em 06.09.06
Virgin's Trip - A Viagem da Virgem



Exposição de originais de BD, na Nouvelle Librairie Française, até 30 de Setembro.
( Pepedelrey, JCoelho, Rui Gamito e Rui Lacas.)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:00

...

por Tomás Vasques, em 06.09.06
Até amanhã.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:56

...

por Tomás Vasques, em 06.09.06
Doutrinas.
Civitas Dei narra que Platão ensinou em Atenas que no fim dos séculos todas as coisas recuperarão o seu estado anterior e que ele, em Atenas, perante o mesmo audotório, ensinará de novo essa doutrina. O texto perdoado pelas chamas gozou de uma veneração especial que aqueles que o leram e releram esqueceram que o autor só expôs essa doutrina para melhor a poder refuta.

(Jorge Luis Borges, O Aleph).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:43



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.