Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



...

por Tomás Vasques, em 19.05.06
Não acredito: ouvi dizer que o PSD quando foi Governo mandou encerrar 150 (cento e cinquenta) maternidades. Não acredito!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:59

...

por Tomás Vasques, em 19.05.06
A minha prima Josefina, mulher muito interessada na coisa política e, como quase todos os portugueses, opinativa sobre todas as matérias, telefonou-me a esta hora tardia para dizer: «O Marques Mendes não medra porque está entalado entre o Cavaco e o Sócrates». Como? - Interroguei com ar ensonado. «Não medra, não medra» - Respondeu-me.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:32

...

por Tomás Vasques, em 19.05.06

Repouso
Esta manhã, quando acordei, e a tua imagem
se atravessou à minha frente, ainda olhei pela
janela, não fosse ter nascido da luz que entrava.
Depois, pensei que podia ter sido um pedaço de
sonho que se partiu durante a noite, quando
o atirei para o chão. Mas não vi
nada, à minha volta, como se uma imagem pudesse
ter desaparecido de um momento para o outro,
ou a noite nunca tivesse existido. Saí
de casa, atravessei a rua até ao café e, enquanto
o bebia, fechei os olhos. E a imagem voltou,
tão real que, quando olhei de novo para a frente,
a mesa vazia transformara-se num sofá onde
estavas estendida, em repouso, como se o dia todo
tivesse passado por ti, e a noite te envolvesse
com o seu peso branco.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:09

...

por Tomás Vasques, em 19.05.06
O Código fez dois anos no dia 17. A palavra Código foi a mais escrita e mais falada em todo o mundo nesse dia. Não há coincidências...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:51

...

por Tomás Vasques, em 19.05.06
Mais vale tarde que nunca


«Fechou todas as janelas e portas, amarrou raivas nos corações, pôs choros de lágrimas nos olhos. Só mesmo Dina é que ficou, levantando, sacudindo na poeira, no barro da boca e dos olhos, com essa dor grande que lhe dava alegria no mesmo tempo, a bater no peito pisado pelos sapatos. O carro limpou o escuro com os faróis e, na luz amarela que varreu o chão, o velho negro nasceu, os dentes arreganhados para o céu, a boca torcida para trás despejando sangue em cima dos cabelos brancos e a camisa aberta, mostrando o vermelho a correr no buraco do peito com a picareta sem cabo, espetada e suja..Maluca de dor, xinguilando, a berrar, dentes para morder, Dina correu nos polícias, pelejando insultando:- Mataram-lhe! eu vi, mataram-lhe! Filhos da puta!Então, em cima dos seus olhos, uma noite mais negra que a noite que corria lhe tapou nas estrelas e o cassetete arrancou-lhe para longe, para o tempo onde nada lembra. (...)»

José Luandino Vieira, Vidas Novas, 1968

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:54

...

por Tomás Vasques, em 19.05.06
Agradecimento: a TR, dos Sapatos Pretos, pela referência simpática. Há sempre um lugarzinho para quem gosta de conquilhas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:18



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.