Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



No dia 15 de outubro lá estarei.

por Tomás Vasques, em 10.10.11

Há muita gente que se dá mal com fenómenos sociais ou políticos novos. Já há quem reaja ao «perigo» dos resultados eleitorais obtidos pelo PAN – Partido pelos Animais e pela Natureza. Este partido apresentou-se pela primeira vez aos eleitores nas eleições legislativas de 5 de Junho, onde foi o segundo partido mais votado entre os que não elegeram deputados. Ontem, na Madeira, ultrapassou o BE, tendo eleito um deputado. O mesmo acontece com a manifestação convocada para o próximo sábado, 15 de Outubro, sobretudo através das redes sociais. Ontem, a SIC transmitiu uma peça onde fez referência à manifestação de 12 de Março, como uma das maiores dos últimos tempos e entrevistou uma das organizadoras da anterior e da próxima. Contudo, a peça televisiva terminou assim: «A polícia teme que esta movimentação social possa provocar tumultos, os maiores desde 1975». O mundo está a ficar perigoso, os senhores do dinheiro põem e dispõem; a Europa está de rastos e quem paga a factura dos desmandos financeiros são sempre os mesmos, mas quando cidadãos querem mostrar o seu desagrado e «mijam fora do penico» ficam todos em pânico. Compreender os fenómenos sociais e políticos novos em vez de os atacar com caçadeira de canos cerrados é a melhor maneira de contribuir para uma sociedade mais justa e igualitária que cada vez se afasta mais do nosso horizonte. Tal como fui à manifestação de 12 de Março, também estarei presente na Avenida da Liberdade a 15 de Outubro. A 12 de Março vi por lá a direcção da JSD a distribuir «notas» de 100 euros com a fotografia do Sócrates. Espero, no sábado, vê-los por lá, solidários, mesmo que não distribuam «notas». Se não os encontrar fico a pensar que estão todos nos gabinetes ministeriais e que o facto de terem participado na manifestação de 12 de Março só tinha esse objectivo. Se assim for, não se admirem de cada vez mais pessoas votarem no PAN e de participarem em manifestações fora do colete de forças estabelecido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:28




Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.