Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O resgate desnecessário.

por Tomás Vasques, em 14.04.11

Um senhor de nome Robert Fishman, professor de sociologia da Universidade de Yale, que certamente nenhum português conhece, escreveu hoje um artigo no New York Times intitulado: «O resgate desnecessário de Portugal». O senhor, que está longe, percebeu o que muitos dos que estão perto teimam, por razões partidárias, em não perceber, a saber:

 

  1. Portugal teve um forte desempenho económico nos anos 1990 e estava a gerir a sua recuperação da recessão global melhor que vários outros países na Europa, mas foi sujeito a uma pressão injusta e arbitrária dos negociadores de obrigações, especuladores e  agencias de 'rating.
  2. Estes agentes dos mercados financeiros conseguiram, por razões míopes ou ideológicas levar à demissão de um governo democraticamente eleito e potencialmente "atar as mãos do que se lhe segue.
  3. Portugal não tinha subjacente uma crise genuína e foi sim sujeito a ondas  sucessivas de ataques por negociadores de obrigações.
  4. Distorcendo as percepções de mercado da estabilidade de Portugal, as agências de 'rating' - cujo papel de favorecimento da crise do 'subprime' nos Estados Unidos foi amplamente documentado - minaram quer a sua recuperação económica, quer a liberdade  política.
  5. Se forem deixadas desreguladas, estas forças de mercado ameaçam eclipsar a capacidade dos governos democráticos para fazer as suas próprias escolhas sobre impostos e gastos.
  6. A revolução portuguesa de 1974 inaugurou uma onda de democratização que varreu o globo. É bem possível que 2011 marque o início duma onda de usurpação da democracia por mercados desregulados, com a Itália, Espanha e Bélgica como próximas vítimas potenciais.

 

Por cá, o presidente da República, «enxovalhado» na campanha eleitoral pelas suas ligações ao BPN e Pedro Passos Coelho a «precisar» de ser primeiro-ministro, no momento mais delicado, ajudaram a este gigantesco festim dos mercados internacionais. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:22




Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.