Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



|||Livros.

por Tomás Vasques, em 28.11.08

 

Instruções para salvar o Mundo, de Rosa Montero (Porto Editora) – um romance que se lê numa penada – é, para mim, naturalmente, aquele que melhor retrata o «pensamento» da autora (A louca da Casa está muito próximo). As quase 300 páginas estão condensadas na última frase: «É que a humanidade divide-se entre aqueles que sabem amar e aqueles que não sabem».

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 01:02

||| Treinador de sofá.

por Tomás Vasques, em 28.11.08

Eu sei o que está a acontecer em Bombaim; e, também li a entrevista de V.S. Naipaul no DN, sobretudo aquela frase sobre Guantánamo, citada por Filipe Nunes Vicente; como estou a par, mais detalhe, menos detalhe, da profunda crise do capitalismo. Salva-nos, na amargurada vertigem dos dias, pequenos prazeres: um bom livro, um bom amigo, uma boa refeição. Ontem, ao jantar, com um bom amigo, no Veneza, ali em Mem Moniz – um ensopado de borrego, envolto em Quinta da Revolta – entre muitas conversas, assistimos a um jogo do Benfica com uns gregos. Muitas vezes disse: sou adepto de qualquer equipa portuguesa sempre que joga com equipas estrangeiras. Hoje descobri que tal afirmação da minha parte é só racional. Emotivamente tal não corresponde à verdade. Eu ontem senti-me grego, ao ponto de um benfiquista, na mesa do lado, esfaquear com o olhar o entusiasmo transbordante com que brindei cada um dos cinco golos dos gregos. E em verdade vos digo: se os tais gregos jogassem com o Messi, aquele do Barcelona, tinham sido, pelos menos, dez golos.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:40

||| A minha homenagem ao XVIII Congresso.

por Tomás Vasques, em 26.11.08

 

Rui Bebiano homenageou o XVIII Congresso com a piada nº 2376. Eu rendo a minha homenagem com a piada nº3479.

 

Quando, em meados de 1975, Amália Rodrigues actuou em Moscovo, Leonid Brejnev, que assistiu ao concerto na primeira fila, no final fez questão de cumprimentar a fadista. Ao entrar no camarim, quis agradecer a Amália com um beijo na boca, como é hábito entre os russos. Ao que esta lhe terá dito: só me beijas na boca se me prometeres que deixas sair da União Soviética todos os cidadão que o desejarem. Brejnev ter-lhe-á respondido: marota, já percebi que queres ficar cá sozinha comigo.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:22

||| Ensaio sobre a cegueira.

por Tomás Vasques, em 26.11.08

encontros e encontros que, mais dia, menos dia, numa qualquer esquina do caminho, se encontrarão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:30

||| Diálogos absurdos.

por Tomás Vasques, em 26.11.08

- O que é que tu achas: foi o Sá Fernandes que traiu o BE ou foi o BE que traiu o Sá Fernandes?

- Não sei, mas o que me disseram é que nenhum dos dois ficou bem na fotografia.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:04

||| Apenas, eloquente!

por Tomás Vasques, em 26.11.08

||| A ler.

por Tomás Vasques, em 26.11.08

Louvor e simplificação da arte, de João Paulo Sousa (Da Literatura) sobre O Mal­‑Estar na Civilização (Relógio de Água), de Sigmund Freud.

Citando Freud:

 

«A questão do destino da espécie humana parece­‑me ser a de saber se e em que medida a evolução da civilização conseguirá controlar os distúrbios que os instintos humanos para a agressão e para a autodestruição causam na vida em comunidade»

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:31

||| Brincar com o fogo.

por Tomás Vasques, em 26.11.08

A propósito de Dias Loureiro e de supostas insinuações sobre o Presidente da República, José Manuel Fernandes termina o editorial do Público, de hoje, com a seguinte conclusão: «Em democracia não se deve brincar com o fogo – mas numa democracia em tempos de crise, optar pela táctica da "terra queimada" pode ser suicidário.» O que significa esta nova preocupação de quem tem andado, nos últimos anos, diariamente, com uma tocha na mão à procura de palha?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:36

||| Divórcios.

por Tomás Vasques, em 25.11.08

Agora se percebe a pressa do BE em aprovar a nova lei do divórcio: queria separar-se de Sá Fernandes com facilidade. Só tem um inconveniente: as declarações de amor foram públicas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:12

||| A ler.

por Tomás Vasques, em 25.11.08

O 25 de Novembro de 1975 visto das imediações Ritz Club. É lindo!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:56

||| Natureza morta.

por Tomás Vasques, em 25.11.08

Fotografia de Telma Ferreira.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:54

||| Más notícias para as carpideiras do costume.

por Tomás Vasques, em 25.11.08

«A recessão económica que irá afectar Portugal no próximo ano será menos acentuada do que a média da Zona Euro», conclui as previsões económicas de Novembro da Organização de Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE). Será prenda do menino Jesus?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 13:47

||| A DREN volta atacar?

por Tomás Vasques, em 25.11.08

Parece que o bom senso não é coisa que abunde na cabeça da directora da DREN. Nesta altura do campeonato, ameaçar com processos disciplinares os «professores que pressionem colegas a boicotar o processo de avaliação.» (defina-se «pressionar») é o mesmo que atirar petróleo para a fogueira. A luta é política, não é administrativa-disciplinar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:18

||| Venezuela, novo referendo?

por Tomás Vasques, em 25.11.08

Como se pode constatar, o que estava mesmo em causa, nas eleições de Domingo, na Venezuela, era a criação do «ambiente» que permitisse um novo referendo sobre a Constituição. Hugo Chávez precisa de alterar a Constituição antes de acabar o actual mandato. Com o actual texto da Lei não se pode recandidatar. O «socialismo do século XXI» gira todo à volta desta questão:

 

«El presidente venezolano fracasó en su intento de modificar la Constitución en el referéndum del pasado 2 de diciembre, pero tras los resultados de las elecciones del domingo, Chávez parece sentirse con apoyo suficiente para convocar otro referéndum constitucional

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:25

||| Não apaguem a memória.

por Tomás Vasques, em 25.11.08

 

Quem viveu o dia 25 de Novembro de 1975 (e os meses que o antecederam) sabe o que se passou. Por isso, é interessante ler, hoje, passados tantos anos, as justificações de Álvaro Cunhal, após a derrota do golpe militar comunista – a derrota da sua vida – e sobre o recuo a que foi obrigado. (Capítulo 8 do livro A verdade e a mentira na Revolução de Abril: A contra-revolução confessa-se, Edições Avante! )

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:08

Pág. 1/5




Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2007
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2006
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Links

SOBRE LIVROS E OUTRAS ARTES

CONSULTA

LEITURA RECOMENDADA.



Contador

eXTReMe Tracker